Morte, morte, morte que talvez seja o segredo desta vida – 24 anos sem Raul Seixas

São 24 anos sem Raul Seixas. No dia 21 de agosto de 2013, o profeta da Sociedade Alternativa e do Novo Aeon deixava estas terras para novas aventuras. O poeta reflete sua própria morte na música “Canção para minha morte”, em que abre a poesia com os seguintes versos:
“Eu sei que determinada rua que eu já passei
Não tornará a ouvir o som dos meus passos.
Tem uma revista que eu guardo há muitos anos
E que nunca mais eu vou abrir.
Cada vez que eu me despeço de uma pessoa
Pode ser que essa pessoa esteja me vendo pela última vez
A morte, surda, caminha ao meu lado
E eu não sei em que esquina ela vai me beijar
(Canção para minha morte, Raul Seixas)

A morte é vista como um ser que aglutina diversos sentimentos como que este mesmo cita “Eu te detesto e amo morte, morte, morte / Que talvez seja o segredo desta vida”.
 A postura reflexiva foi construída através da leitura constante de obras filosóficas e aventuras místicas e de drogas, com diversos parceiros, dentre eles, Paulo Coelho.
A percepção musical veio desde adolescente, morando em Salvador, integrou o Elvis Rock Club. Este cenário é comentado no documentário Raul Seixas – O inicio, o fim e o meio lançado em 2012.
Sua herança é vasta e arrecada fã e seguidores em todo Brasil. É muito difícil, não gostar de Raul ou compreender o significado profundo de suas músicas. Neste sentido anunciamos que iremos ao longo do mês de agosto, comentar os discos de estúdio deste compositor.
Assista: Raul Seixas – O inicio, o fim e o meio

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s